Developer Experience
10
min de leitura
26 de junho de 2019

Por que eu deveria me importar com Developer Experience?

Luciana Bandeira
Developer Experience
Ajudo desenvolvedores no onboarding e nas melhores práticas de APIs para garantir a melhor Developer Experience. No meu tempo livre me dedico a livros, pesquisar (e degustar) sobremesas e sou apaixonada por viajar.
Mais sobre o autor

Atualmente, cada empresa, e mais especificamente as que estão focadas em TI, conta com um Departamento de Suporte ao Cliente, mas melhorar a experiência dos usuários que consomem as APIs para suas aplicações torna seu segmento mais ágil e gerenciável, e sempre focado no escopo da empresa, por isso, na Sensedia, temos uma equipe especial de suporte ao cliente, focada nas Metas Estratégicas, processos de clientes e ferramentas junto com as APIs, chamada The Developer Experience .

Quais são as atribuições do The Developer Experience ?

Em resumo, a equipe DX é responsável por envolver e melhorar o consumo de API para o cliente ou aplicação, especialmente considerando um uso contínuo de APIs com sucesso e otimizado.

OK, mas por quê?

Análise de uso e monitoramento da extração de dados

A fim de identificar possíveis pontos de falha e evitar grandes impactos no lado do chamador da API, este monitoramento nos permite identificar as principais causas de 4XX erros (client_error) e também o 5XX (server_error) onde encontramos possíveis intermitências internas, atuando sobre ele resulta em uma otimização da API e melhorando a experiência do usuário da API.

Além disso, com esta análise, podemos monitorar a Latência (tempo de resposta), a eficiência (resultados das chamadas API), a tolerância a erros e a facilidade de uso. Entendendo os usuários, o número de chamadas e a relação HTTP Status , temos os dados para uma análise de redução da Taxa de Erro e melhor uso das chamadas API.

Conhecer o processo e a regra de negócios do cliente

A compreensão do cliente permite identificar cenários que poderiam utilizar alguma melhoria, como exemplo: em um contexto de Mercado, é possível analisar os JSON's das Chamadas e depois acompanhar os Produtos registrados, otimizando as informações e os padrões internos.

Assim, em caso de qualquer situação que impeça o varejista terceirizado de carregar seus produtos no mercado, devido a desinformação ou não cumprimento de um dos padrões predefinidos, podemos agir proativamente, notificando o Integrador (Plataforma ou Hub) para buscar a solução, assegurando que as informações cheguem ao nosso cliente Marketplace.

Inclusão e Manutenção no Portal dos Desenvolvedores

Cada cliente precisa de um guia, para que o desenvolvedor de aplicações que irá utilizar a API possa orientar e oferecer documentação de processo e regras de uso. Cabe ao Developer Experience analisar se a documentação disponível é adequada e atende às necessidades dos desenvolvedores, fazendo assim as melhorias necessárias e otimizando a compreensão dos fluxos, além de atualizar as informações, sempre que necessário.

Ter um portal de desenvolvedores com todas as informações necessárias, o espaço para se comunicar conosco e um suporte totalmente atualizado para tudo isso torna o processo de integração muito mais rápido, mais suave e sem complicações.

E que informações são importantes para um desenvolvedor de API?

- Guia sobre o uso da API;

- Dicas e regras do cliente;- Ambiente Sandbox (para testes fora do ambiente de produção);

- Lista de recursos e métodos disponíveis, entre outros.

Manutenção de bilhetes

Possuir um canal e analistas que entendam os negócios do cliente e como utilizar o API torna a assistência mais fácil, mais clara e mais objetiva.

Validação da aplicação

Ser capaz de validar os testes realizados oferece a vantagem de garantir que a aplicação que utilizará a API de produção vai atender a todos os processos obrigatórios e requeridos e ser bem sucedida. Assim, analisaremos todas estas etapas e, se alguma divergência for identificada, é possível realizar ajustes antes que a aplicação entre em produção, o que pode ter algum impacto tanto sobre o integrador quanto sobre o cliente.

Controle de Acesso à Produção

Dependendo das permissões de uso do API (público, privado ou restrito), é possível controlar o uso dessas aplicações.

Quando necessário, podemos incluir/restringir o acesso quando o cliente solicitar e rastrear o número de solicitações permitidas por chave de acesso. Se o cliente tiver a chave API em modo privado, cabe ao Developer Experience criar esta chave no ambiente de produção, respeitando as regras e processos de cada cliente.

Eu desenvolvi um API. E agora?

Considere o ciclo que o desenvolvedor levará para consumir esta API e como é a melhor experiência.

Assim, é importante assegurar que todas as ações mencionadas acima serão realizadas, sempre buscando uma melhoria contínua, trazendo benefícios e boas ações para o consumo dessas APIs.

No final das contas, quais são os profissionais em ter um serviço de foco?

A DX atua como auxiliar na melhor experiência API e no consumo, de forma especializada nos negócios e de acordo com as regras dos clientes.

Uma das principais vantagens para os clientes que têm esta equipe para apoiá-los, além da busca pela otimização das chamadas via API, visando garantir o sucesso da aplicação e utilização, é que também somos considerados uma extensão do cliente, tanto em questões focadas nas APIs como em termos de análise conjunta de processos e idéias relativas a todo o processo, podendo auxiliá-los sempre que necessário.

Saiba mais sobre alguns dos casos Sensedia.

Obrigado pela leitura!