E-Commerce
6
min de leitura
20 de setembro de 2019

Panvel: Omnichannel e a Transformação do Varejo Digital

Daniela Montanheiro
Especialista em Marketing Organizacional pela Unicamp, +7 anos de crescente experiência no desenvolvimento, gerenciamento e avaliação de projetos e programas de comunicação em nível nacional e internacional.
Mais sobre o autor

O crescimento da economia digital é impulsionado pelas empresas que buscam novos modelos de negócios e canais cada vez mais eficientes de interação com o cliente. Este crescimento é claramente visível no setor varejista, segmento no qual a interação com os consumidores através de canais digitais é fundamental e necessária, não sendo mais um diferencial, como costumava ser há alguns anos.

Atualmente, as plataformas de varejo são mais do que apenas um meio de comprar e vender produtos: a experiência do consumidor tornou-se uma prioridade, e com tantos canais para trabalhar e um público mais exigente, o ambiente do varejo se tornou cada vez mais desafiador.

Neste cenário, uma estratégia Omnichannel é fundamental, integrando todos os canais de atendimento ao cliente, proporcionando uma experiência única e integrada em todos os canais disponíveis.

A rede de farmácias daPanvel trabalha com o conceito de omnichannel e, portanto, pode oferecer uma experiência integrada em qualquer canal. Os canais digitais, integrados na mesma base, deram à rede uma eficiência operacional muito maior. Hoje, eles estão presentes em 60 cidades da região sul do país e na capital paulista, e os sistemas de vendas de mais de 600 lojas estão conectados. Atualmente, o chatbot criado através de APIs atende cerca de 40% de todas as interações com a empresa, ou seja, 25.000 pessoas, e oferece a mesma funcionalidade que o aplicativo.

O desempenho, a segurança e a conectividade com múltiplas frentes digitais, a Panvel identificou oportunidades e necessidades para seus clientes que poderiam ser atendidas através de iniciativas digitais. Através de lockers em aeroportos, academias, colégios, eles podem entregar produtos aos clientes em duas horas (mas em média 35 minutos). No varejo, a conveniência é um aspecto muito forte e necessário, portanto, garantir a entrega rápida dos produtos enriquece a experiência de compra dos clientes e gera grandes resultados para as empresas que investem nela. Saiba mais sobre este caso:

Obrigado pela leitura!