APIs
8
min de leitura
16 de setembro de 2020

Como uma estratégia API First beneficia negócios de soluções digitais?

Creators Editorial
Sensedia in-house editorial
CREATORS: Uma mente coletiva de Sensediers em busca de um mundo mais conectado, aberto e informado.
Mais sobre o autor

A estratégia API First torna a integração do sistema muito mais conveniente, agregando valor comercial. Confira os benefícios desta estratégia!

Atualmente, as APIs são mais do que ferramentas para equipes de TI. Elas são elementos estratégicos que funcionam como produtos, tornando-se a base da inovação para muitas empresas. A adoção do modelo API First é uma forma de aprimorar o desenvolvimento de uma solução e tornar o processo mais ágil.

A transformação digital do mercado exige cada vez mais recursos em um produto como características obrigatórias para se diferenciar dos concorrentes. A construção de cada componente a partir do zero, no entanto, exige muito tempo e esforço da equipe de desenvolvimento. E as APIs podem simplificar este trabalho sem afetar a qualidade do produto final.

Há muitos benefícios em trabalhar com a estratégia API First, conforme listado abaixo!

Agilidade de desenvolvimento

Há muitas APIs disponíveis no mercado, sejam elas públicas ou privadas. O tipo utilizado em uma estratégia depende das necessidades do projeto, mas todos os formatos têm uma característica em comum: eles promovem agilidade na execução de um serviço.

Tecnologias como o serviço de nuvem, IoT (Internet das Coisas), wearables, plataformas financeiras e muitas outras utilizam APIs em sua arquitetura. Uma razão é a fácil integração de suas características. É muito mais conveniente desenvolver soluções compatíveis com diferentes sistemas, reduzindo o esforço para produzir uma para cada operação.

Então, as soluções podem atingir um público maior, seja em plataformas desktop, aplicações móveis, ou entre outros dispositivos. Além disso, uma estratégia API First permite expandir uma solução mais rapidamente quando surgem novas oportunidades de negócios.

Reutilização de recursos

É comum se referir às APIs como uma "cola digital". Isto porque esta expressão define exatamente a finalidade destas aplicações: elas permitem utilizar a mesma base para várias soluções.

Sua interface define como a integração com outros sistemas ocorrerá, e como os dados serão expostos. A integração de uma API permite a transmissão destas informações para a execução de serviços em software e aplicações, que começam a funcionar em torno da mesma estrutura.

Quantos aplicativos você usa em seu telefone que permitem o registro a partir de uma conta no Google ou Facebook? Ou fornecer mapas geográficos com base na localização? Tudo isso é possível graças à incorporação de APIs vinculadas ao banco de dados dessas empresas, disponíveis para uso público.

Time-to-market e time-to-value

Outra vantagem da estratégia API First é a redução de esforços e a possibilidade de focar nas vantagens competitivas de uma solução. Time-to-market é o tempo para que uma solução seja utilizada, enquanto time-to-value representa o período para apresentação de resultados.

É por isso que a agilidade da equipe é tão importante. A maioria das características já está disponível em APIs de terceiros ou pode até mesmo ter sido previamente desenvolvida pela própria equipe. Então, por que desperdiçar esforço? O uso dessas ferramentas no site software libera os desenvolvedores para criar recursos inovadores e únicos para seus produtos.

Para a equipe, é uma oportunidade de mostrar o potencial aplicando o conhecimento em algo totalmente novo e muitas vezes mais estratégico, promovendo mais satisfação no trabalho e, conseqüentemente, mais resultados. Para a empresa, isso pode significar redução de custos e otimização de resultados.

Melhor experiência do cliente

Os clientes também encontram maior satisfação na compra de serviços e soluções. A API First leva à personalização de recursos de acordo com a necessidade do negócio, filtrando as informações contratadas.

É uma forma de oferecer mais possibilidades e melhorar a experiência do cliente, a fim de gerar valor para eles. A personalização facilita o acesso às funcionalidades, oferecendo uma interface mais limpa para o usuário.

Vale a pena lembrar que é possível fazer ajustes e melhorias de acordo com as mudanças nas estratégias e novas necessidades. Assim, os serviços estão sempre de acordo com as expectativas comerciais.

Mais canais de vendas e serviços

A velocidade da comunicação para resolver solicitações dos usuários é outra forma de agregar valor ao produto. Os canais de serviço lentos são um dos maiores pesadelos em qualquer tipo de serviço, levando a um relacionamento comercial problemático.

As APIs funcionam como um canal digital direto para os clientes, atendendo a várias necessidades que podem surgir ao longo do caminho. Elas fornecem acesso aos canais de atendimento ao cliente, facilitando a aquisição de novos serviços e recursos dentro do sistema de solução.

Como você pode controlar quais dados estão disponíveis para cada usuário, desde componentes gratuitos até versões pagas, é muito mais fácil diversificar sua base de clientes. Afinal de contas, a necessidade de contratar recursos adicionais vem naturalmente de acordo com o uso.

Conexão ampliada com parceiros comerciais

Aqueles que trabalham com soluções digitais muito provavelmente já enfrentaram dificuldades para interagir com parceiros. As diferenças entre eles exigem uma enorme quantidade de customizações diferenciadas nas plataformas, a fim de facilitar a adaptação às necessidades de cada parceiro. Os modelos B2B (Business to Business), especialmente, têm mais dificuldades de integração, devido às características pré-existentes em seus sistemas.

Entretanto, isto pode ser resolvido através de uma API RESTful, que permite a troca de informações em diferentes protocolos. Este tipo de ferramenta realiza uma camada de padronização que leva a uma melhor escalabilidade na comunicação entre plataformas. Portanto, as empresas são capacitadas de ponta a ponta, proporcionando uma rede de conexões com mais recursos.

Melhoria contínua em produtos já lançados

Com uma estratégia API First, os produtos já existentes no mercado ganham novas possibilidades. Ao integrar funcionalidades adicionais, você pode oferecer mais recursos a seus clientes, dimensionando e expandindo suas soluções. Este processo de inovação do portfólio existente tem toda a segurança de padronização. Mesmo que as APIs também sejam utilizadas por outras empresas e soluções, somente o proprietário do aplicativo tem o poder de fazer mudanças significativas no sistema. Ou seja, você pode integrá-las sem medo de encontrar características não configuradas no futuro.

Monitoramento de canais e extração de métricas

Ao integrar uma API, você tem acesso ao monitoramento de todas as funcionalidades utilizadas por seus clientes. Esta vantagem promove a extração de métricas para otimizar o negócio e identificar quais componentes são os mais importantes nas soluções.

As plataformas de gerenciamento de APIs devem ter autorização de controle de acesso, limites de tarifas e políticas de uso da aplicação. Elas dependem não somente de métricas, mas também de informações sobre monetização e fluxos de trabalho dos desenvolvedores. Tudo isso proporciona uma gestão empresarial otimizada, fornecendo informações sobre como os processos de sua empresa estão se saindo.

Neste post, apresentamos as principais vantagens da estratégia API First. Suas soluções estarão muito mais adaptadas às demandas do mercado e serão facilmente administradas.

Obrigado pela leitura!