Artigos
6
min de leitura
21 de outubro de 2018

Sua empresa consome APIs? Reduza custos e ganhe agilidade com Monitoramento e Cache

Nicholas Gimenes
Leader de Crescimento & Marketing de Produtos
Apaixonado pelo uso de tecnologia e dados para alavancar estratégias digitais
Mais sobre o autor
Computador e gráficos

Muitos serviços externos são consumidos por meio de APIs por diferentes departamentos (Marketing, Financeiro, P&D, Distribuição, etc.), e esse consumo muitas vezes não é monitorado ou otimizado, o que leva a gastos desnecessários e perda de eficiência.

Por meio de uma plataforma de gerenciamento de APIs, é possível não só expor serviços via APIs, mas também monitorar o consumo de APIs externas, além de criar um catálogo de APIs disponíveis, aplicar mecanismos de segurança, cache, composição de chamadas e transformação de dados, entre outros recursos.

O monitoramento do consumo de APIs com dashboards e rastreamento completo de chamadas facilita o monitoramento de indisponibilidade e erros, dupla checagem de cobranças, avaliação da qualidade do serviço pela observação da latência, percepção de mudanças rápidas nas APIs (novas versões, aposentadoria, etc.), e realizar uma gestão centralizada de despesas e a importância relativa de diferentes fornecedores de API (que podem ser usados ​​para negociar melhores preços e diversificar suprimentos).

Além disso, o uso de caching possibilita a melhoria do desempenho com menor latência e proteção contra indisponibilidade, além de reduzir drasticamente os custos de consumo de APIs, quando não possuem alterações muito frequentes nas informações que trazem.

Por sua vez, a criação de um catálogo de APIs centraliza uma variedade de serviços e aumenta a agilidade na utilização, evita contratações duplicadas e descontrole da equipe de TI. Essa falta de controle por parte dos responsáveis ​​pela tecnologia pode levar ao consumo de APIs com segurança inadequada, expondo informações sigilosas da empresa.

Outro recurso útil é a criação de uma camada de API de mediação, que favorece a composição de chamadas, processamento de dados e aplicação de mecanismos de segurança.

Em caso de alterações nas APIs, com o uso de uma camada de API de mediação, a interface para o consumidor da API permanece a mesma. É necessário simplesmente mudar a API de mediação para outra API ou mudar os parâmetros para se adaptar às mudanças, sem a necessidade de mudar os diferentes aplicativos que consomem as APIs.


você quer saber mais? Fale com um de nossos especialistas, basta preencher o formulário abaixo e logo entraremos em contato;)

Obrigado pela leitura!