APIs
7
min de leitura
5 de novembro de 2019

API Adaptive Governance: Como isso afeta sua operação e seus negócios?

Nicholas Gimenes
Leader de Crescimento & Marketing de Produtos
Apaixonado pelo uso de tecnologia e dados para alavancar estratégias digitais
Mais sobre o autor

Este artigo é um resumo de Apresentação de Rafael Rocha head of Solutions Architecture @ Sensedia, durante APIX 2019.

Por que API Governance?

API Governance está se tornando cada vez mais importante à medida que as estratégias API crescem rapidamente em cenários complexos, envolvendo diferentes equipes e unidades de negócios, e estando disponíveis para consumo por até milhares de desenvolvedores.

Por sua vez, a adoção de arquiteturas baseadas em servidores e microserviços, assim como a integração com ecossistemas, traz ainda mais desafios de governança para as empresas digitais.

Esses desafios também se refletem em dificuldades específicas para diversas áreas, que precisam ser enfrentadas pela equipe de governança:

  • Operação: antecipar e resolver problemas rapidamente;
  • Desenvolvimento: acelerar as entregas e reutilizar componentes;
  • Segurança: aplicar mecanismos de segurança apropriados para cada contexto;
  • Negócios: reduzir time-to-market e manter o alinhamento com a estratégia comercial;
Governança de APIs - API Governance

Além dessas necessidades específicas, as empresas digitais exigem um controle sem reduzir a agilidade e a autonomia que impulsionam a inovação, e esse controle também deve ser orientado pelo contexto, permitindo uma evolução contínua e gradual.

Por que API Adaptive Governance?

Governança Adaptativa é a capacidade de determinar estilos e controles de governança necessários a diferentes contextos de negócios digitais.

Esta capacidade, quando desenvolvida e adaptada para estratégias digitais, tem um impacto direto nos resultados críticos do negócio, como por exemplo:

  • Time-to-market redução, redução de custos e aumento de produtividade;
  • Redução de riscos, maior segurança e compliance;
  • Maior qualidade e controle de operação;
  • Melhor experiência para os clientes e para os consumidores;
Governança de APIs - API Governance

Para desenvolver esta capacidade, a equipe API Governance precisa estabelecer pilares básicos API governance (políticas, processos, KPIs, responsabilidades, materiais, ferramentas) que possibilitem:

  • Gestão da diversidade de ambientes, contextos e fluxos de trabalho em equipe;
  • Garantia da aplicação de políticas de segurança, melhores práticas, padrões;
  • Prevenção de interrupções e solução rápida de problemas;
  • Compreensão do cenário de dependências para avaliar os impactos de mudanças ou falhas de API;
  • Organização do catálogo API, com documentação e versionamento;
  • Reutilização de APIs e seu alinhamento às estratégias comerciais;
  • Rastreamento de métricas em tempo real para controle e evolução da carteira API;

Por que Sensedia Adaptive Governance?

Sensedia Adaptive Governance é o novo módulo da Sensedia que oferece uma interface low-code com recursos avançados para API Adaptive Governance, inclusive:

  • Catálogo de API avançado com atributos e busca detalhada;
  • Visualização de dependências e análise de impacto;
  • Definição de requisitos e modelos para publicação de APIs;
  • Aplicação automática da política e criação de fluxo de trabalho;
  • API Interface Completeness Score
  • Alertas configuráveis e preventivos;
  • Timeline de alterações (audit);
Governança de APIs - API Governance

Estas características combinam com funcionalidades relacionadas à governança já nativas da Plataforma API da Sensedia, por exemplo:

  • Painéis de controle personalizáveis em tempo real com métricas comerciais e técnicas;
  • Configuração de planos de acesso e aplicação de mecanismos de segurança;
  • Registro e rastreamento completos (com registro de carga útil e dados adicionais);
  • Criação de equipes, papéis, permissões e ambientes;
  • Controle de versão e implantação, criação e atualização automática de documentação;
  • Dev portal para publicação e organização de APIs;
Governança de APIs - API Governance

Além do módulo Sensedia Adaptive Governance , a equipe de consultoria da Sensedia desenvolveu um API Governance playbook para apoiar seus clientes na construção de uma equipe API Governance e em diversas atividades como definição de modelos de governança, políticas, padrões, mecanismos de segurança, KPIs, análise de impacto, priorização, configuração do fluxo de trabalho... - para garantir o controle e a evolução de suas estratégias digitais com APIs.

Governança de APIs - API Governance

Deseja saber mais?

Aqui está a palestra completa de Rafael Rocha, ou se preferir, entre em contato conosco aqui e fale com um de nossos especialistas :)

Obrigado pela leitura!